quinta-feira, julho 13, 2006

O Tigre e a Neve

Ontem, numa noite de calor soberbo, fomos ao cinema. O filme embora apontado por muitos como repetição de uma receita, deu-me tudo o que preciso para dizê-lo magnífico!

É incrível como nos esquecemos tantas vezes de sorrir. Como se nem soubéssemos o que isso significa, arrastamo-nos por lamúrias, suspiros, testas franzidas que nada mais que algumas rugas nos trazem... E no entanto afirmamos mil e uma vezes (mais para nós que para os outros), que o verdadeiro sentido da vida é a felicidade. Esse é, supostamente o nosso desígnio. Passamos então uma existência atribulada, apressada a correr atrás dessa "senhora", esquecendo-nos de todos à nossa volta, de nós mesmos também.
Mas se calhar, no fundo, no fundo essa "srª Felicidade" é apenas uma estória, uma metáfora ou um qualquer outro recurso estilístico desses de "pôr bonito"... não será mais sensato viver todos os momentos felizes sem preocupações?

7 comentários:

salamandra_pintarolas disse...

Olá!
Há já algum tempo que espreito o blog, por indicação da Rafa e a propósito de uma noite em que calhou falar-se que fazes crochet.
Hoje resolvi comentar... Também fui ver o filme, não ontem, mas anteontem.

Sabes que mais?
Nada como uma receita repetida para apurar o sabor, neste caso, o doce sabor de rir sem culpa e de rir das coisas simples e ver a felicidade muito além de um livro bonito da "nouvelle cousine".
E não são as receitas que nos saem bem que sempre repetimos?
(eu tirava apenas a pausa a meio da refeição, eh eh eh)

salamandra_pintarolas disse...

Olá!
Há já algum tempo que espreito o blog, por indicação da Rafa e a propósito de uma noite em que calhou falar-se que fazes crochet.
Hoje resolvi comentar... Também fui ver o filme, não ontem, mas anteontem.

Sabes que mais?
Nada como uma receita repetida para apurar o sabor, neste caso, o doce sabor de rir sem culpa e de rir das coisas simples e ver a felicidade muito além de um livro bonito da "nouvelle cousine".
E não são as receitas que nos saem bem que sempre repetimos?
(eu tirava apenas a pausa a meio da refeição, eh eh eh)

sara aires disse...

Muito obrigada pela tua visita! E deixa-me que te diga que acho que tens toda a razão. Uma boa receita é sempre uma boa receita, se não se repetir apenas... isto é, sempre que se repete também se vai acrescentando isto e aquilo, ou há um ou outro ingrediente diferente. Em suma, a reutilização de uma receita pode mesmo assim trazer coisas novas.
Beijinho

rafaela teves disse...

Olá Sara!

Eu nessa noite fui jantar fora com a Salamandra!
E adorei que todos tenhamos partilhado o mesmo prato!

E concordo tanto contigo quando dizes que há quem ponha demasiado na busca pela Felicidade.

É porque ela pode mesmo "ser qualquer coisa": http://mimiwo.blogspot.com/2006/07/crdito-na-conta-sem-taxas-de-juro-sem.html


Beso

sara aires disse...

Já tinha passado pelo teu post ontem, acho que este pensamento foi também gerado pelos teus versos. Lindos, já agora!
Beijinho e até logo?

sara

Anónimo disse...

Here are some links that I believe will be interested

Anónimo disse...

Your are Excellent. And so is your site! Keep up the good work. Bookmarked.
»