terça-feira, maio 26, 2009

Feirar, feirar... há ir, e voltar!


































O local é lindo, lógico e agradável para a feira e muito mais. A afluência de gentes de todas as cores, idades, backgrounds e interesses transborda as expectativas. De facto muitas das condições essenciais estavam reunidas para o sucesso...
Só mesmo o tempo, essa entidade caprichosa que se lembra de mandar e desmandar nas vidas dos feirantes... Só mesmo ele para estragar a festa!
Mas não foi assim tão grave, até nem choveu nada o dia todo. Algumas vezes chegou a brilhar o sol. Afinal até parecia ter valido a pena... Ter trabalhado duplamente para ter "stock" para a feira, ter pago muitas despesas (burocráticas, deslocação, estadia, alimentação... ) tinha valido a pena dormir escassas 4 horas, estar cheia de dores de pernas, costas, braços... Parecia mesmo ter valido tudo isso, pois domingo seria dia de sol, ou de menos nuvens, de muitos clientes voltarem tal como prometido... Enfim! O inesperado aconteceu. Ao regressarmos ao carro no domingo de manhã, cheias de vontade de "feirar", damos com o triste cenário: O carro destrancado e com um vidro partido! Cd's roubados, dois originais e mais uns quantos não originais... os preferidos, aqueles que levamos numa viagem mais demorada. A desilusão foi grande. Tivémos que regressar a casa, logo a seguir, sem podermos sequer despedir-nos da feira, das novas colegas, de Lisboa...
Tão cedo não voltarei, não valeu a pena, com muita pena. 










6 comentários:

rafaela teves disse...

Ai Sara, é mesmo pena!
Que chatice!!

Anya disse...

Xiiiiiiiii...

eu imagino o balde de agua fria! =/ Já não bastavam as codições adversas e o esforço feito e ainda mais isso... lamento imenso!!! Mas... melhores dias virão! Força =)

Ah... e um beijinho =)

Anónimo disse...

No Domingo, fui de propósito à feira para ver ao vivo as suas peças (e talvez comprar). Gosto muito do seu trabalho. Fiquei muito decepcionado por não estar. Lamento o que lhe aconteceu. Não desanime.
Maria Manuela

sara aires disse...

Obrigada pelas palavras de conforto Rafa e Anya, é mesmo como diz a expressão "morrer na praia"... Cara Maria, se quiser pode sempre enviar-me um mail. Além das peças expostas na galeria do Flickr, também aceito encomendas.
Beijinhos a todas.

Anónimo disse...

Lamento muito o que lhe aconteceu, mas força para a proxima será melhor, Pensamento Positivo. Também eu fui à Feira no domingo para ver as suas obras e fiquei decepcionada por não a enontar, mas teremos outras ocasiões. Felicidades. Iolanda Paiva

Tereclopes disse...

Realmente, que grande azar o vosso. Não se pode estar descansado em lado nenhum, em Lisboa então, o que vos aconteceu "é o pão nosso de cada dia"
Não desanimes Sara, vai em frente porque é uma pena não mostrares um trabalho com tanta qualidade e bom gosto.
Beijinhos